Pages

quinta-feira, 24 de setembro de 2015

PF indicia advogado tucano que ameaçou Dilma de morte


Matheus Sathler Garcia divulgou vídeo na internet em que ameaça matar a presidente
Polícia Federal indiciou Matheus Sathler Garcia, ex-candidato do PSDB a deputado distrital, pelo crime de incitação, previsto no artigo 268 do Código Penal. No dia 25 do mês passado, Garcia divulgou um vídeo na internet em que ameaça a matar a presidente Dilma  . Ele diz que a presidente deveria renunciar, fugir do Brasil ou se suicidar, caso contrário ela seria destituída e teria a cabeça arrancada.

“Vivemos em um Estado de Direito. Não podemos permitir que o direito ao exercício da livre expressão dos indivíduos sirva de escudo para a incitação de crimes”, afirma a delegada Fernanda Costa de Oliveira, responsável inquérito sobre o caso. As investigações foram encerradas ontem e agora caberá ao Ministério Público Federal decidir se denuncia o advogado à Justiça Federal.O Código Penal prevê pena até 6 meses de reclusão para o crime de incitação.

Assuma seu papel e tenha a humildade para sair do nosso país. Caso contrário, o sangue vai rolar. E não de inocentes. Vamos fazer um memorial na Praça dos Três Poderes, um poste de cabeça para baixo, porque com a foice e o martelo nós vamos arrancar sua cabeça e pregar fazer um memorial para você - diz o advogado



5 Comentários:

Ricardo disse...

"Vivemos em um Estado de Direito".
Não, hoje o Brasil não vive um Estado de Direito, pois possui presos políticos, enquanto criminosos políticos estão soltos e gozam de plena impunidade por pertencerem à oposição ao governo federal. O caso do psicopata tucano que ameaçou a presidente também não vai dar em nada pelo simples fato de que ameaçou alguém do PT, ainda que seja a presidente da República, pois todo mundo sabe como funciona o faccioso Judiciário brasileiro.

MGP disse...

6 meses é pouco!!!! tem que começar a prender esses safados, assim esse ódio vai sendo bloqueado aos poucos, senão só vai aumentar devido a impunidade!!!!

cabocla disse...

Como pena ele deveria ser internado para fazer uma terapia contra o ódio e em seguida ir prestar serviços para a comunidade negra das favelas como advogado na luta contra o racismo. Ele descobrira o amor nos territórios ainda excluídos dos direitos ...

Roberto Simões disse...

Ricardo, MGP e Cabocla - concordo. Mas, à parte o crime, para o qual não encontro adjetivo que qualifique tamanha hediondez, o fato é a suma constatação de "a quantas andam" as sombrias lucubrações dos inconformados com a derrota em 2014, quando as urnas democráticas, de novo, reconduziram DILMA ROUSSEFF à Presidência da República. Esses tais cultivam e cultuam um ódio extremado ao PARTIDO DOS TRABALHADORES, esquecendo-se de que sua temerária empreitada incita o povo brasileiro no caminho perigoso da desordem generalizada, da qual nem eles próprios sairão incólumes!!!

Victor Marian disse...

A crescente ideologia facista apoiada e fomentada pela grande mídia golpista tem sido um grande problema no Brasil , e a tendência é piorar pois o ódio é algo que não se elimina de um dia para o outro. São 12 anos de perseguição e propagação desse ódio . O resultado é a criação de indivíduos como esse psicopata tucano e outros que vem ultilizando esses métodos. Não podemos esquecer do atentado terrorista contra o instituto Lula e com a agressão ao Stedile do MST. A grande mídia não divulga isso !!! Um absurdo!!! Se fosse ao contrário já tinham feito um escândalo e chamavam os Petistas de terroristas . PIG imunda !!! Covardes !!! Canalhas !!! Estão criando um sentimento de ódio que pode virar irreversível . Onde tem ação tem reação!!!

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração