Pages

quinta-feira, 3 de setembro de 2015

Gráfica que Gilmar Mendes quer investigar prestou serviços ao PSDB


Gráfica que Gilmar Mendes quer investigar por prestar serviços para campanha da Dilma, prestou serviços ao PSDB - Veja os documentos, que Gilmar Mendes não viu

Inspirado em "notícia reveladora" de blogueiros da revista "Veja", ministro pediu nova investigação das contas de campanha de Dilma. Mas esqueceu de incluir campanhas de Serra e Aécio em suas suspeitas

 VTPB Serviços Gráficos e Mídia Exterior, no mesmo ano de 2014, prestou serviços também à campanha de José Serra (PSDB) e de Aécio Neves (PSDB). Em 2012 foi fornecedora de campanhas de vereadores do PSDB, PMDB e PSD. E antes ainda, em 2010 trabalhor para diversos candidatos e partidos.Os fatos comprovam que jamais se tratou de uma "empresa fantasma", e o ministro Gilmar Mendes parece ter apenas acreditado, voluntariamente ou não, na "barrigada" (como é chamada a informação errada no jargão jornalístico) dos blogueiros.Mendes deveria te...Continue lendo aqui

3 Comentários:

PAULO DE MACEDO disse...

PMDB está preparando golpe. Quem viver verá.

José Gilbert Arruda Martins disse...

É uma vergonha o que o ministro Gilmar "Mentes" faz na órgão mais importante da justiça brasileira.

É inaceitável um magistrado do Supremo Tribunal Federal (STF), por força do ódio ao Partido dos Trabalhadores, suas lideranças e seu governo, se deixar levar dessa maneira.

É descabida a sua atuação no Supremo.

E essa atuação, politizando a justiça, de forma irresponsável e atabalhoada, não é novidade, na época da votação da AP 470, Gilmar foi, de todos os onze ministros do STF, aquele que mais fez da votação uma retaliação política e um palanque nacional de destruição do PT e, principalmente, da figura de Lula da Silva.

Gilmar Mendes é um tucano de toga.

Sua atuação foi e é marcada por posicionamentos que ficam distantes de um magistrado sério da corte de justiça mais importante de uma nação, que não uma nação qualquer. Não é uma República de bananas.

Reproduzo aqui uma parte da matéria da revista Carta Capital que foi publicada dia 06/12/2014, para quem tem a preocupação de fazer uma leitura e conhecer o ministro, verá que sua atuação é digna do mais baixo fisiologismo político. Leiam:

"Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), pode gabar-se de ser sincero. Se assim for, não poderá deixar de admitir que, inelutavelmente, é parcial. No caso dele, a transparência de suas observações mostra que ele é uma toga a serviço de objetivos políticos, preferencialmente sintonizados com a oposição. Prioritariamente, o PSDB. Faz sentido o amor partidário que bate no peito de Gilmar. Projetou-se para a vida pública no governo Fernando Henrique Cardoso, no qual foi também integrante da AGU. Por indicação de FHC, em junho de 2002, fez a travessia para o STF."

A sociedade brasileira está cansada desse tipo de atuação política.

A sociedade brasileira, ao contrário do que muita gente acredita, enxerga esse tipo de manobra.

Gilmar Mendes deveria ter a dignidade de pedir renúncia e disputar a prefeitura de Diamantino - MT pelo PSDB ano que vem.

legunde disse...

se a gráfica ai trabalhou p diversos patidos em td assim BR tem q investigar td BR

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração