Pages

domingo, 29 de março de 2015

A queda do Império TV Globo: audiência da principal novela despenca.

http://otvfoco.com.br/audiencia/real-time-sp-babilonia-com-apenas-19-pontos/
Ao que tudo indica, os três irmãos Marinhos, donos da TV Globo, entraram na mesma rota de Eike Batista na revista Forbes. De maior bilionário do Brasil, Eike perdeu praticamente tudo e saiu da lista de bilionários.

O carro chefe da TV Globo é a novela das 21:18 (antiga "novela das 8").

A atual "Babilônia" tem registrado audiência diária abaixo 25 pontos (isso no Ibope, imagine na hora em que o instituto rival Gfk começar a medir). É pelo menos 10 pontos abaixo do que a Globo tinha no horário (a novela anterior "Império" tinha entre 35 a 38 pontos).

Para piorar, a audiência não para de cair. Na sexta-feira, 27, às 21:22hs registrava só 18,9 pontos:

Globo: 18,9 pontos
Record: 13, 3 pontos
SBT: 11,8 pontos

Nunca antes a TV Record e o SBT estiveram tão perto da audiência da Globo neste horário.

E a queda da "novela das 8" faz a audiência de todo o horário nobre rolar ladeira abaixo, em um efeito cascata.

O Jornal Nacional, que vem antes, tem boa parte da audiência entre os telespectadores que estão sintonizados apenas esperando pela novela. Se não estão mais interessados em assistir a "novela das 8", também não assistem mais a chatice do Bonner falando que sua vida só vai piorar. O mesmo efeito ocorre com os programas que vem depois da novela.

Com menor audiência, o preço dos anúncios despencam. Se 10 em cada 35 consumidores não vêem mais o anúncio, nenhuma empresa vai continuar pagando a mesma coisa para anunciar.

Com isso a Globo entra no ciclo da decadência:

Passo 1) Menor audiência;
Passo 2) Preço dos anúncios despencam;
Passo 3) Faturamento cai;
Passo 4) Corta custos de produção para não fechar no vermelho;
Passo 5) Produção mais barata nivela com emissoras concorrentes;
Passo 6) Enquanto Globo perde audiência, concorrentes ganham;
Passo 7) Ao perder audiência os passos 1 ao 6 se repetem;
Passo 8) TVs rivais aumentam o faturamento;
Passo 9) Com mais faturamento, rivais melhoram programação;
Passo 9) Rivais com melhor programação conquistam mais audiência;
Passo 10) Ciclo de 1 ao 9 se repete até os Marinho ficarem ao lado de Eike.

De 2013 para 2014, a revista Forbes já registrou perda de US$ 3 bilhões na fortuna dos três irmãos Marinhos. Imagina de 2014 para 2015. A derrocada de Eike começou assim.

6 Comentários:

Unknown disse...

Creio que estarei vivo para comemorar a derrocada do império golpista.

Celso Junqueira disse...

Se não puder até à sede da Globo na rua von Martius, soltarei uns foguetes aqui na minha cidadezinha do Sul de Minas. Ainda veremos o Projac todo abandonado, com teias de aranhas e morcegos pra todo lado. O processo não será rápido porém será inexorável. Os Marinhos podem correr mas não podem fugir. Lamento pelos que ficarão desempregados ao longo de tudo isso.

Luiz disse...

GRAÇAS A DEUS É O FIM.

O observador de Fatos disse...

Espero que o povo deixe de gostar dessa babaquice de novela. Um lixo só. O Brasil está afundando num mar de corrupção e o povo só quer saber quem vai comer quem no próximo capítulo. Além das tramas serem manjadas ainda tem as péssimas atuações dos atores mais canastrões do planeta. Um asco!

fernandapósemciênciaiscriminais disse...

Eu quero ver a globo fora do AR e a Xuxa e a Record comemorando...rindo a toa .

Iran disse...

Assisti à programação da Globo boa parte de minha vida - sou nascrido em 1971, e foi, sem dúvida, a emissora que tinha a melhor programação. Como espectador, vi a Globo reestruturar sua programação pela 1ª vez, quando a finada Manchete apresentou a novela Pantanal. Foi um tapa com luva de pelica na Platinada. Parece que a partir desse momento, as rivais sentiram que podiam ao menos arranhar o pedestal onde esta se encontrava. Atualmente, todas as emissoras estão num patamar equivalente de péssima programação. O último vislumbre de algo minimamente revolucionário, foi a novela Os dez mandamentos, da Rede Record, que agora parece ter aberto uma franquia onde pretende contar a história de todos os descendentes de Moisés, utilizando todo o elenco que a Globo não usa mais. Como dia o Porchat no Porta dos fundos, eles não morreram, só foram pra Record. Kkkkkk:)

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração