Pages

segunda-feira, 9 de junho de 2014

Cocaína vira pesadelo na campanha de Aécio Neves.


O coordenador de mídias sociais da campanha de Eduardo Campos (PSB), Marco Bahé, caiu após publicar no Facebook uma frase insinuando que Aécio Neves (PSDB) seria usuário de cocaína.

Bahé escreveu: “Vai ter Coca, Aécio Neves”.

Abriu uma crise na campanha de Campos, com o afastamento de Bahé, e causou mal estar com Aécio.

O assunto foi notícia até nos redutos demotucanos da mídia. Apareceu na revista Veja online, Estadão e no portal do jornal "O Globo".

Isso mostra que o assunto virou um pesadelo para a campanha de Aécio lidar.

Dúvidas sobre da vida pessoal de um político, talvez não seja tão decisivo assim na hora de votar, influenciando apenas alguns segmentos do eleitorado. Quem não quer acreditar não acredita, outros que querem acreditar acreditam, e outros pouco se importam, se o candidato tiver consistência suficiente para o eleitor prestar atenção em outras coisas.

Mas no caso de Aécio o buraco é mais embaixo. Já lhe falta consistência para chamar atenção por idéias e propostas (a não ser as "medidas amargas" da turma endinheirada do mercado financeiro). E independentemente dele ter admitido que já fumou maconha, e negar que foi usuário de cocaína, tem outras coisas que não ajudam em sua imagem, como a recusa dele em soprar o bafômetro quando foi parado em uma blitz de trânsito na madrugada do Rio de Janeiro, com carteira de motorista vencida.

Como se não bastasse, estava usando um carro de luxo no Rio como se fosse carro de serviço de uma rádio em Belo Horizonte, o que, para um pobre mortal, que não é senador do PSDB, costuma dar sérios problemas junto à Receita Federal.

O caso do bafômetro não é apenas questão pessoal de gostar ou não de beber. É o mau exemplo que dá ao negligenciar os riscos de misturar bebida e direção, o que pode resultar em tragédia na vida dos outros que não tem nada a ver com a decisão de uma pessoa encher a cara.

Na época da blitz, foi a principal manchete de capa dos jornais populares do Rio. A figura abaixo é reprodução real da capa que foi as bancas, não é montagem de nenhum "submundo". E o jornal Extra é da Editora Globo.


É o "conjunto da obra" que vira um pesadelo na campanha de Aécio.

Justamente por não ter soprado o bafômetro quando deveria, pode ser pertinente o conselho do jornalista Paulo Nogueira Batista, para que Aécio faça um daqueles testes de exame anti-doping, agora que o assunto cocaína está até no noticiário da imprensa demotucana.

9 Comentários:

João Batista disse...

Interessante a manchete do Estadão. Como é o tratamento dado aos tucanos. Só menciona mensagem sobre Aécio. A coca vem "escondida" no corpo da matéria.

Cissa disse...

Ele não disse que isso era calúnia de petista? E agora?

Carlos Roberto disse...

Ao que parece falta apenas imagens e som da conduta do Aécio e como foi o canto no Minerao em 2008 , além do mais, já sabemos comprovadamente que ele gosta das padarias do RJ , todavia, notem:
"... por isso, Aécio tem a obrigação de se submeter a quantos testes forem necessários, e testes públicos, para determinar se ele foi usuário de cocaína – uma questão, sim, central em sua campanha.

E a revista trata da cocaína, como tratou Fernando Barros e Silva – diretor da piaui -, no “Roda Morta”.

Conta a revista: “… em 2008, no jogo Brasil e Argentina, no Mineirão, Aécio foi surpreendido por um canto inusitado da torcida: ‘Ô Maradona/ Vai se f…/ O Aécio cheira mais do que você

Portanto, sabemos que Aécio gosta das madrugadas e padarias do RJ mas, rogo aos brasileiros e principalmente mineiros que tragam as imagens e som do Mineirão em 2008 o povo merece saber!

MUDA AFOCEFE disse...

Falemos de uma viagem com o avô a um pais da america latina!

Quero Mais Brasil disse...

Sigo aqui com minhas impressões...

Sobre o comentário de Marco Bahe, ( https://www.facebook.com/marcobahe ),se ele está ou não ainda na campanha de Eduardo, isso é o que menos importa...
O que importa,é que sempre se reforça essa inconfessável relação de Aécio com a cocaína.
E se um dos que está ou esteve á frente da campanha de Eduardo Campos nas mídias sociais sabe disso,deve ter sido instruído a usar isso contra Aécio caso houvesse uma chance de 2º turno entre Aécio e Dudú. Como isso é absurdo demais, foi descartado o uso desses ataques para que fosse possível apoiar Aécio num segundo turno com Dilma, sem problemas depois.
Assim...
É só ligar os pontinhos pra entender que Eduardo Campos e Marina, sabem de coisas que a mídia esconde sobre Aécio e as drogas...
E com a tendência destes dois pra trairagem... Aécio que fique esperto ou aparece dossiê pra acabar com ele rapidinho!
Só nos resta agradecer ao Marco Bahe por reforçar nossas suspeitas!
Seu equívoco seria cômico se não fosse trágico!
Afinal, falamos de candidatos ao cargo de presidente desta nação.
E pior... Segundo as pesquisas, tem gente que votaria nestes personagens vergonhosos...

O Brasil não precisa disso...

Nosso país vai muito bem... PT saudações...
#QueroDilmaDeNovo
Leia mais;
AUXILIAR DE CAMPOS CAI APÓS POSTAR "VAI TER COCA, AÉCIO" http://xeque-mate-noticias.blogspot.com.br/2014/06/marco-bahe-da-campanha-de-eduardo.html

Leonardo Marques Arnaldo disse...

é por isso que digo:é mais fácil a Dilma ser REELEITA EM 1º Turno do que o time da CBF ser campeão!

tori disse...

“Maisss, o Aécio marcou posição. Ele demorou a falhar maisss, tardou maisss, não falou”.
(Marcar posição, para quem não conhece o reino da ZBM é sair mijando em qualquer coisa que ache pela frente. Vale mijar em poste, balcão, vaso de planta, garrafa, copo, bolsa de colega e até noutro cacharro. Não confundir com ZBN, que é a etílica rádio que estupra a notícia.)
Esse monólogo humorístico da tacanha e sem senso de ridículo, Tacanhêde, quando saiu em defesa do indefensável Aébrio Never é de mijar de rir e vale uma tese, além, é claro, de provar que, justamente porque seus melhores humoristas estão fazendo campanha para o PSDB, digo, jornalismo, é que a grobo não consegue emplacar sequer um programa de humor.

Janaina disse...

Ele é uma versão brasileira, um pouco piorada, de Silvio Berlusconi!

Mais civilidade por favor disse...

Espero que a censura ainda não tenha retirado o vídeo do ar. Nossa situação é grave pois o problema é pessoal para desempenho de mandato.

https://www.youtube.com/watch?v=wwZ0Lvtt8A4&feature=youtu.be

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração