Pages

sábado, 11 de setembro de 2010

Nota de esclarecimento de Fabio Baracat


Empresário divulga nota desmentindo reportagem da revista 'Veja'

O empresário Fábio Baracat divulgou nota na tarde deste sábado (11) na qual desmente reportagem publicada na edição deste final de semana da revista "Veja". Na reportagem, a revista apresenta relato atribuído ao próprio empresário sobre uma suposta negociação com o filho da ministra Erenice Guerra (Casa Civil).

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Fui foi surpreendido com a matéria publicada na revista Veja neste sábado, razão pela qual decidi me pronunciar e rechaçar oficialmente as informações ali contidas.

Primeiramente gostaria de esclarecer que não sou e não fui funcionário, representante da empresa Vianet, ou a representei em qualquer assunto comercial, como foi noticiado na reportagem. Apenas conheço a empresa e pessoas ligadas a ela, assim como diversos outros empresários do setor.

Destaco também que não tenho qualquer relacionamento pessoal ou comercial com a Ministra Erenice Guerra, embora tivesse tido de fato a conhecido, jamais tratei de qualquer negócio privado ou assuntos políticos com ela.

Acerca da MTA, há 3 meses não tenho qualquer relacionamento com a empresa, com a qual tão somente mantive tratativas para compra.

Importante salientar que durante o período em que mantive as conversas com a mencionada empresa aérea atuei na defesa de seus interesses, porém o fiz exclusivamente no âmbito comercial, ficando as questões jurídicas a cargo da própria empresa e sua equipe.

Inicialmente, quando procurado pela reportagem da revista Veja, os questionamentos feitos eram no sentido de esclarecer a relação da MTA com o Coronel Artur, atual Diretor de Operações dos Correios, em razão de matéria jornalística em diversos periódicos, nesta oportunidade ratifiquei o posicionamento de que embora tivesse conhecimento de alguns assuntos que refletiam no segmento comercial da empresa (que de fato atuava), não podia afirmar categoricamente a extensão do vínculo dela com o Coronel Artur.

Durante o período em que atuei na defesa dos interesses comerciais da MTA, conheci Israel Guerra, como profissional que atuava na organização da documentação da empresa para participar de licitações, cuja remuneração previa percentual sobre eventual êxito, o qual repita-se, não era garantido e como já esclarecido, eu não tinha o poder de decisão da empresa MTA.

Enfim, na medida que a MTA aumentava sua participação no mercado, a aquisição da empresa se tornava mais onerosa para mim, até que culminou, além de parecer legal negativo, na inviabilidade econômica do negócio.

Acredito que tenha contribuído com o esclarecimento dos fatos, na certeza de que fui mais uma personagem de um joguete político-eleitoral irresponsável do qual não participo, porém que afetam famílias e negócios que geram empregos.

São Paulo,11 de setembro de 2010..
Fabio Baracat

25 Comentários:

Ricardo Lima Vieira disse...

Off topic?

Hoje é 11 de setembro, dia do atentado terrorista!!! Lembra dele? Foi em 11 de setembro de 1973: o presidente Allende, do Chile, foi massacrado, e, depois dele, milhares, torturados, assassinados, instituindo-se a ditadura sanguinolenta de Pinochet!

Spok da Silva disse...

Enfim, a blog desmontou o factóide da Veja em dois tempos. Com qual cara, os telejornais de hoje vão repercutir essa farsa?

thiago disse...

E agora josé???

Anônimo disse...

InfelizMENTE com a cara lava de sempre, quem tem uma impressa destas não precisa de guerras, terremoto, furação, liberdade de impressa para os patrões????
Querem destruir os nossos sonhos? acabar com as nossas esperanças de dias melhores???

Claudinete Sergipe disse...

Vale dizer que a revista Veja (do PIG) esta tentando com este factóide desviar a atenção da matéria da Revista Carta Capital que mostra as peripécias de Verônica Serra, filha do candidato Serra, que quebrou o sigilo fiscal de milhões de brasileiros. Por outro lado, a revista Veja passou os oito anos tentando derrubar o governo Lula. A revista Veja é antiética, antiBrasil, antiLula, antiDilma.

Ricardo Lima Vieira disse...

Serra não é 45, Serra é 666!

Anônimo disse...

Confesso que tenho medo dos demotucanos no poder, corremos o risco também de sermos acusados e julgados sem prova alguma.

X-MAN disse...

o zé reclama do blog e de repente os trolls aparecem pra encher os pacovás, coincidencia não?

Anônimo disse...

Takeo! Além de acéfalo, tu é covarde, assina se tu tem algum resquício de dignidade. Deve ser vergonha de apoiar uma "coisa" como esse serra.
flávio cunha

Marcos disse...

PIG Band deu a notícia e não informou da fraude da Veja. Band está no golpe.

Makhul disse...

Pessoal, acho que a tática tem que ser outra. Além das notinhas de esclarecimentos, os atingidos devem levar os ditos JORNALISTA às barras dos tribunais. Já que eles são pau mandados das empresas, PAU neles também. Daí, além de separar o joio do trigo, vamos conhecer quem são os verdadeiros proficionais.

Claudinete Sergipe disse...

Vendo a capa da Veja, me veio a lembrança da matéria da Globo, em 2006, quando levaram a eleição para o segundo turno, mostrando os maços de dinheiro. Lembrem-se amanhã é dia sem Globo. Gente vamos tomar cuidado com o PIG, ele está usando Marina para forçar o segundo turno. Vamos ficar atentos. Alô movimentos sociais, vamos agir. Lembrem-se que não podemos perder o que conquistamos com o governo do Lula. Vamos sair às ruas, vamos conversar com o povo e mostrar o que as organizações Globo, Veja, Folha de São Paulo e Estadão estão tramando para tentar levar as eleições para o segundo turno (Serra só existe em razão do PIG). Vamos ser didáticos, vamos sair às ruas. Eis aí o nosso maior adversário, o PIG. Não esqueçam disso. João Santana, vamos agir nesse sentido. Lembrem-se amanhã é dia sem Globo. Gente vamos tomar cuidado com o PIG, ele está usando Marina para forçar o segundo turno. Vamos ficar atentos. Alô movimentos sociais, vamos agir. Lembrem-se que não podemos perder o que conquistamos com o governo do Lula. Vamos sair às ruas, vamos conversar com o povo e mostrar o que as organizações Globo, Veja, Folha de São Paulo e Estadão estão tramando para tentar levar as eleições para o segundo turno (Serra só existe em razão do PIG). Vamos ser didáticos, vamos sair às ruas. Eis aí o nosso maior adversário, o PIG. Não esqueçam disso. João Santana, vamos agir nesse sentido.

jcre disse...

Não sou advogado e não entendo bem essas coisas. Mas será que não é possível alguem (ou a Chefe da Casa Civil, ou mesmo o governo, pois a Chefe é sua funcionária) entrar com uma ação imediatamente contra o órgão de imprensa que solta uma matéria destas e, horas depois, ser desmentido? Mas uma ação para fechar esta porcaria!!!

Anônimo disse...

Acabei de sair de uma livraria onde estava buscando alguns livros. Parei na prateleira das revistas e um casal conversava sobre a 'Veja':

A Mulher perguntou "Qual será a mentira desta semana?". O seu companheiro respondeu: "Não interessa. O objetivo é o mesmo há oito anos!". 

Henry disse...

Gostaria de ver a Digníssima Dra. Cureau e o Digníssimo mininistro do Supremo Marco Aurélio dar declarações na imprensa de indignações com referência a mais esta invenção de crise, a mais este factóide e tentativa de golpe da revistinha fascista a serviço dos reacionários sujos da direitona golpista !

Anônimo disse...

A matéria da Veja tem a assinatura do repórter Diego Escostegui
que está na lista do Delegado Protógenes.

http://portalimprensa.uol.com.br/portal/ultimas_noticias/2009/04/06/imprensa27267.shtml

Anônimo disse...

A matéria da Veja tem a assinatura do repórter Diego Escostegui que também publicou uma materia falsa sobre a Caixa.

Quem acredita na Veja Suja?

http://www1.caixa.gov.br/imprensa/imprensa_release.asp?codigo=6303645&tipo_noticia=31

Anônimo disse...

QUE REVISTINHA ODIOSA !!!

VAMOS Á LUTA, IR PARA AS RUAS E CONVERSAR, FAZER UMA MANIFESTAÇÃO CONTRA ESSA REVISTA GOLPISTA.
TUDO PELO GOVERNO LULA/DILMA.
VAMOS QUE VAMOS!!

Anônimo disse...

REVISTA ODIOSA!!!
VAMOS À LUTA!!!
TD POR UM GOVERNO DO POVO.

cleide disse...

Acho que o fabio e a Erenice deveria entrar na justiça contra Serra, Globo e Veja, pedindo idenização danos morais e que a justiça conceda direito de resposta das partes envolvidas no mesmo horario da publicação da noticia ou seja horario de pico da rede Globo JN! O povo ja cansou das baixarias, ainda bem que a Dilma não cai nessa. Deixe ele se perde pelas prorpias mentiras, tiro no proprio pé. Zerroquio. Pinoqui mentia menos henn.

Anônimo disse...

MEU NOME É ANA CAROLINA,TENHO 60 ANOS,ESTOU MUITO TRISTE DO QUE O SENHOR SERRA ESTA FAZENDO COM A CANDIDATA DO PT,EU ESTOU ACHANDO QUE ELE NUNCA TEVE MÃE, POIS A FALTA DE RESPEITO COM AS MULHERES É MUITO GRANDE QUE TIPO DE GOVERNO PRETENDE FAZER, VENDER O QUE RESTA DO BRASIL,FHC QUASE ACABOU COM O BRASIL. SE ELA NA FRENTE NAS PESQUISAS É PORQUE O POVO QUER.

Anônimo disse...

ISSO É LAMENTÁVEL, COMO UM HOMEN QUE SE DIZ PREPARADO PARA SER UM PRESIDENTE, ATACA UMA MULHER DISCARADAMENTE. O SERRA TUDO INDICA QUE NAO NASCEU DE UMA MULHER PARA TER ESSA MALDADE, EU SOU MULHER E IA VOTAR EM VC, AGORA VOU VOTAR NA DILMA, ELA SIM É UMA PESSOA DIGNA DE SER NOSSA COVERNANTE.

Anônimo disse...

Caros:
Estão armando o golpe institucional. Andei "fuçando" pela internet, e achei uma entrevista do Alvaro Dias a Veja. Transcrevo parte da mesma:

"Na reportagem, a ministra Erenice Guerra diz que o dinheiro fruto das propinas servia para “saldar compromissos políticos”. Como o senhor interpreta a frase?

Isso contamina a campanha da Dilma Rousseff de forma irreversível. Erenice e Dilma são como almas gêmeas, há um vínculo indelével entre as duas. A confissão da Erenice Guerra é reveladora. Atender a compromissos políticos mediante pagamentos, ainda mais com valores tão expressivos, não pode servir para outra coisa que não seja para a campanha de Dilma Rousseff. Isso faz lembrar o caso do Fiat Elba de Fernando Collor em 1992".

Temo que vão tentar, novamente, cassar a candidatura da Dilma.
Fiquemos atentos.

João

Francisco Marcos disse...

Há muito tempo que a revista Veja vem praticando terrorismo. Concessionária de serviço público, com isenção de impostos mas extremamente desconectada com os anceios do povo brasileiro, infectada com terroristas de extrema direita tornou-se um instrumento anti-democrático digno da repugnância de cidadãos brasileiros.

Anônimo disse...

deveriamos publicar esta carta no horário eleitoral,pois para a maioria da mídia nao importa se é mentira ou verdade.

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração