Pages

quarta-feira, 7 de outubro de 2015

Ex-procurador-geral da República engavetou inquérito contra Eduardo Cunha, agora seu cliente



Advogado de defesa do presidente da Câmara Eduardo Cunha é o ex-procurador-geral da República Antônio Fernando de Souza que, na sua gestão, "guardou" inquérito contra seu atual cliente
 Desde 2006, a Divisão de Repressão a Crimes Financeiros da Polícia Federal encontrou operações cambiais com indícios de irregularidades atribuídas ao deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ) e diversos outros políticos. Mas parece que a necessária investigação para esclarecer os fatos ficou engavetada e acabou atropelada por investigações de autoridades suíças.

Naquele ano de 2006 foi dada entrada no Supremo Tribunal Federal (STF) a Petição Avulsa de nº 193.787 tratando dessa investigação, Continue lendo aqui

2 Comentários:

reinaldo carletti disse...

essa coisa, só defende bandidos, pois essa coisa, não passa de um bandido

angela antunesdicosta disse...

Exma.Presidente Dilma. Que Deus lhe de forcas para enfrentar os tubaroes de dentro e de fora. Fale a.nacao. Nao fique so nos bastidores. Uma mineira, ex_guerrilheira n pode se curvar as pedaladas politicas sujas de seus adversarios que so querem o poder e nao aceitam ser governados por mulheres. Todas as mulheres deviam te apoiar.
.

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração