Pages

segunda-feira, 9 de março de 2015

Humberto Costa não deve, não teme e contra-ataca: "Devolve, Gilmar!"


O senador Humberto Costa (PT-PE) reagiu de forma exemplar ao pedido de inquérito aberto contra si a pedido do Ministério Público.

Primeiro apontou fragilidade no pedido do Ministério Público, mostrando que houve até erros factuais, pois ao contrário da versão apresentada pelo MPF ele sequer tinha mandato de senador em 2010 e ainda era apenas candidato.

Depois disse que quer depor o quanto antes para encerrar logo esse assunto, e que abre seus sigilos bancário, fiscal, telefônico e o que for preciso para provar sua inocência.

Por fim, acertou na mosca ao pedir "Devolve, Gilmar!", ou seja, pediu que o ministro do STF Gilmar Mendes devolva o processo para proclamar o resultado do julgamento da Ação de Inconstitucionalidade que proíbe empresas de financiarem campanhas eleitorais, a principal raiz da corrupção.

O julgamento já tem o resultado matematicamente definido. Os votos que faltam não mudará o resultado, pois já há maioria dos votos pela proibição do financiamento empresarial, mas o pedido de vista de Gilmar Mendes impede de concluir o julgamento.

O PT todo deve fazer o mesmo, colocando na agenda política de todos os parlamentares, todo dia e toda hora, o "Devolve, Gilmar!" e adotando o apoio ostensivo à proposta de reforma política da "Coalizão pela Reforma Política Democrática e eleições limpas", projeto de iniciativa popular que atende às principais bandeiras históricas do partido para a reforma política, e que já conta com mais de 500 mil assinaturas e apoio de mais de 100 entidades representativas da sociedade civil e dos movimentos sociais, como a OAB, CNBB, CUT, UNE, UBES, MST, Conamp, etc.

O discurso de Humberto na tribuna do Senado:

3 Comentários:

Unknown disse...

Este Gilmar Dantas e o maior bandido do judiciário. Ele saiu aos seus é não é atoa que ele foi nomeado pela maior mafioso destes país; fhc.

Cesar Henrique de Oliveira disse...

Gilmar ré um bandido togado que não quer devolver o processo que impede financiamento privado nas campanhas , por um único motivo , como ele e a trupe do PSDB vão sobreviver sem ser corrompidos pelos empresários tipo Daniel Dantas?

Bel disse...

Tomei um Engov e fui pesquisar o que a nossa grande imprensa publicou hoje sobre o depoimento do BarUsco. Dá a nítida impressão que a grande mídia procura livrar a cara do corrupto delator e tenta incriminar todo o PT. Ora, se Barusco roubou SOZINHO de 1997 a 2002, no governo FHC e não foi descoberto, temos que exaltar a presidenta Dilma, pois é no governo dela que os desvios estão vindo à tona. Proporcionalmente, 01 sozinho (Barusco) roubou por 05 anos nas barbas do governo tucano e os honestíssimos inteligentíssimos acima da média sequer notaram. Nem a imprensa notou. Em menos de 05 anos de governo Dilma, foi descoberto a participação de quarenta e tantos políticos e mais outro tanto de envolvidos, além desse ladrão confesso. Entre o governo de Dilma e o governo de FHC tivemos o governo Lula que preparou o terreno com lei anticorrupção e independência da PF e MP para Dilma mandar investigar tudo. Perguntinha básica que a grande imprensa deveria fazer à oposição. Como o governo FHC não conseguiu prender um só ladrão da Petrobras nem em 05 anos (de 1997 a 2002 nem em todo o período de 08 anos?
Um corrupto sozinho é mais fácil de pegar do que vários com tentáculos em vários partidos. Quanta incompetência do governo tucano! E querem voltar a governar o Brasil!

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração