Pages

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

Polícia Federal chega no 'Doutor Freitas' e Aécio Neves desaparece


Após depoimentos de executivos que fizeram acordos de delação premiada afirmando que existia um 'clube' de empreiteiras que fraudava licitações e pagava propinas, misteriosamente o tucano sumiu da imprensa

 Depois de muita enrolação, com direito a manchete do tipo: “Doações de investigadas na Lava Jato priorizam PP, PMDB, PT e outros”, para não citar PSDB, apareceu o Doutor Freitas. Notinhas tímidas, em letras miúdas, no rodapé de  páginas dos grandes jornais informam que  o dono da UTC, Ricardo Pessoa, disse em depoimento à Polícia Federal que tinha contato mais próximo com o arrecadador de campanha do PSDB, o Doutor Freitas, Sérgio de Silva Freitas, ex-executivo do Itaú que atuou na ..Leia mais aqui

4 Comentários:

GILBERTO MENDES ROSA disse...

E daí Aécio, bastando uma solicitação dos órgãos competentes brasileiros, tenham certeza, muitas aguas vão rolar, muitas contas serão descobertas no exterior, muitos bicudos vão andar de cabeça baixa.

Gugu Ramos Mello disse...

E aí,ainda Estarrecido Aécio?

Paulo Edson Franco disse...

Eu acho que o PT está sendo muito apático nesse caso. Está genuflexo diante da grande mídia que, dia dia, tem feito o PT e os PTistas sangrarem perante a opinião pública. Não é possível que não possa haver um grande meio de comunicação disposto a abraçar a causa (entendam como quiserem). Como PTista de luta, conclamo os companheiros, principalmente os dirigentes (omissos) para o contra-ataque, mesmo porque está se desenhando, não um golpe militar, mas um "golpe jurídico" nas mãos de Gilmar Mendes e do traidor do Dias Tofolli. ACORDEM MILITÂNCIA E DIRIGENTES!!!

J Ferreira Ferrerinha disse...

Não tenho duvida, a Policia Federal está com a ponta da linha nas mãos, mas, o novelo é grande, tem muitos quilômetros de linha para chegar ao núcleo/miolo do novelo, o Dr. Freitas está próximo do meio do novelão!

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração