Pages

quarta-feira, 22 de outubro de 2014

Ou o juiz libera os nomes dos tucanos que receberam propina da Petrobras, ou não cita ninguém


Leonardo Meirelles, o braço direito do  doleiro Youssef. falou sobre envolvimento de políticos do PSDB em propinas na Petrobras em perguntas de seu advogado Haroldo Nater durante audiência com o juiz Sérgio Moro  Quando o advogado perguntou se outros partidos, além  daqueles que ele já havia citado, foram beneficiados com desvios de dinheiro da estatal pelo grupo de Youssef, Leonardo Meirelles respondeu que acreditava que sim, e que sabia do envolvimento do PSDB, outros políticos e padrinhos políticos....exatamente   quando o advogado pediu mais detalhes sobre quem seria esse político do PSDB, do Paraná e padrinho político,  o juiz interveio.... Leia mais aqui


Veja vídeo

2 Comentários:

C.Paoliello disse...

Quem são os gringos que conspiram contra a reeleição da Presidenta Dilma:

"Os principais agentes da conspiração contra a presidenta Dilma são funcionários da embaixada e de consulados dos EUA no Brasil: Alexis Ludwig (conselheiro político), Paloma Gonzalez (funcionária da seção econômica), Samantha Carl-Yoder (Chefe da Seção Econ/Pol.), Kathryn Hoffman (secretária política, Consulado Geral dos EUA em São Paulo) e Amy Radetsky (Cônsul Chefe para Assuntos Políticos e Econômicos, Consulado Geral dos EUA no Rio de Janeiro)."

(http://redecastorphoto.blogspot.com.br)

henrique de oliveira disse...

Esse Moro assim como Gilmar Mendes , são os maiores exemplos de bandidos TOGADOS.

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração