Pages

segunda-feira, 6 de outubro de 2014

Aécioporto chega ao 2o. turno derrotado em Minas. Dilma guerreira já parte para cima.



Eleição em dois turnos é assim mesmo. A vitória veio, mas foi parcial, então nem dá para parar e fazer balanço, porque não acabou, a eleição continua.

Dilma sai na frente. Terminou o primeiro turno com boa dianteira.

Aécio já entrou no segundo turno com uma derrota acachapante nas costas. Foi menos votado do que Dilma em Minas. Pior do que isso, Fernando Pimentel do PT, venceu a eleição para governador no primeiro turno. Foi derrota dupla de Aécio em Minas.

Quem melhor conhece Aécio não votou em Aécio.

O tucano conseguiu voto onde foi "novidade", principalmente em São Paulo, onde conseguiu uma votação maior do que a esperada.

No segundo turno, a coisa vai mudar. Nas últimas semanas Aécio correu por fora, enquanto a eleição esteve polarizada entre Dilma e Marina. Agora o Brasil vai conhecer o Aécio melhor, que o povo "demitiu" em Minas. Vai conhecer o Aécio que representa o retrocesso aos fantasmas do passado, das medidas amargas, o candidato dos 1% da Bolsa de Valores contra os 99% do povo.

Na comparação direta de projetos de Dilma e Aécio, Dilma ganha disparado. Tem as melhores realizações e as melhores propostas. Na comparação de competência, comando, capacidade, firmeza, só dá Dilma. Na honestidade e no combate à corrupção só dá Dilma, que nunca fez um aécioporto para a família, nem varreu a sujeira para baixo do tapete.

Dilma já partiu para cima. No discurso na noite de domingo, depois de agradecer ao povo a sétima vitoria dela e de Lula nas urnas desde 2002 em todos os turnos disputados, Dilma já demarcou as diferenças suas com o tucano. E gostei muito do ar de confiança dela, do bom humor e espírito de guerreira que ela sempre teve e que sobressai nestes momentos.

Abaixo as principais frases da Dilma em seu pronunciamento (copiado do Conversa Afiada):

Quero agradecer a presença de todos, a essa hora, desse domingo, mas é um momento especial pra todos nós;

Mais uma vez o povo brasileiro me honrou em dar essa vitória nesse primeiro turno;

Minhas primeiras palavras ao celebrar essa vitória, são antes de tudo de agradecimento;

Porque a gente tem a obrigação de agradecer aqueles eleitores anônimos que saíram de casa e registraram seu voto;

Deles, eu recebo um recado simples, de que eu devo continuar na luta pra mudar ainda mais o Brasil;

Quero agradecer ao meu querido companheiro de chapa, meu vice, Michel Temer, que andou o Brasil defendendo nossas propostas, o nosso governo;

Agradeço também ao PT, o meu partido e aos partidos aliados. Agradeço também a liderança de outros partidos, que embora não estivessem na base alianda, me apoiaram. Agradeço às centrais sindicais. Agradeço também a liderança de outros partidos, que embora não estivessem na base aliada, me apoiaram;

Falando em luta, quero saudar a militância guerreira do meu partidos e dos partidos aliados;

Quero agradecer meu querido amigo e líder, o presidente Lula. Sem o presidente Lula eu não teria realizado meu sonho de fazer um Brasil melhor;

A luta continua. E a luta será mais uma vez gloriosa, porque é a luta da maioria do povo brasileiro;

Essa luta é a luta dos construtores de futuro. Que não deixarão jamais o Brasil voltar pra trás;

Essa é uma campanha que foi marcada, no início, por uma tragédia, que foi a morte do Eduardo Campos. Mas temos que seguir em frente

Quero dizer pra vocês que entendi completamente os recados das ruas. O povo brasileiro anseia por mais avanços. É uma responsabilidade que nós que defendemos esse projeto, temos que assumir perante a história;

Eu sou a primeira pessoa a querer mais. A querer fazer sempre mais;

Quem conquista. Quem conquistou, tem o dever de manter essas conquistas e fazer mais;

Meu compromisso é que a vida de cada brasileiro e brasileira melhore cada vez mais;

Farei como o Lula, que fez num segundo governo, um governo melhor que o primeiro;

Tenho um compromisso arraigado, profundo. Governo novo, ideias novas;

Ideias novas, como resolver o problemas da saúde, com o Mais Especialidades, por exemplo;

Nós conseguimos acabar com as filas na previdência. Mas, como nós resolvemos, o pessoal esqueceu;

Na segurança pública, segurança integrada, juntando forças com todas as policias;

Ideias novas na educação, como fizemos com o Prouni, Fies, Ciências Sem Fronteiras e Pronatec;

Na educação, reforma do ensino básico;

Ideias novas também pra trazer o Brasil para o novo ciclo de desenvolvimento. Um Brasil moderno, mas competitivo e produtivo. Sobretudo, nesse processo, é convicção nossa que a educação tem que estar no centro de tudo;

O meu governo tem um fundamento moral, baseado em dois valores;

O primeiro é igualdade de oportunidades e o outro o combate à corrupção;

E tenho certeza, certeza absoluta, que temos que fazer a reforma política. Essa é a reforma das reformas. O primeiro passo é mobilizar a população num plebiscito popular;

O povo brasileiro vai dizer no dia 26/10 que não quer os fantasmas do passado

Teremos novamente uma disputa com o PSDB que no passado, governou para 1/3 da população;

Jamais promoveram políticas de redução sociais inclusivas. Não fizeram isso quando puderam. O PSDB que sucateou as universidades federais, elitizando-as;

O PSDB que no passado não defendeu aposentados, e, com o perdão da palavra, que eles chamavam de vagabundos

O povo brasileiro não quer de volta aqueles que trouxeram o racionamento de energia

Aqueles que envolveram nossas empresas em privatização, como Petrobras, Banco do Brasil e Furnas;

Convido partidos, mulheres, homens, jovens, negros e negras, todos, a estarem com a gente;

Se junte a nós nessa caminhada que já começou;

Quero agradecer a dois estados onde estive no sábado, pela minha vitória. Agradeço minha vitória em Minas Gerais e em Rio Grande do Sul;

Conclamo antes de tudo, vocês que melhoraram de vida nos últimos 12 anos, venham se juntar a nós. Para mantermos e ampliarmos as conquistas desses 12 anos;

É um orgulho para todos nós que as eleições tenham ocorrido bem;

Uma pessoa, um voto, sempre vai significar que os mais pobres, aqueles que tem menos poder, eleger seus representantes

Vamos pra lutar, porque a luta é o modo do Brasil avançar. Precisamos de vocês!

5 Comentários:

sergio m pinto disse...

Tomara que o PT reveja sua estratégia, essa que o fez perder em São Paulo e Pernambuco, por exemplo.
Temos que falar ao pessoal que melhorou de vida nesses doze anos e mostrar quem é que está do lado de lá.

Wilsoleaks Alves disse...

Ô Zé Augusto...

Tô apreensivo. Oxalá o povo brasileiro tenha consciência.
Valeu, parceiro.

C.Paoliello disse...

O aecioporto é apenas a ponta do iceberg. Está tudo nos arquivos do NovoJornal, duas vezes empastelado pelo esquema aecista.

Zé Augusto disse...

Wilsoleaks Alves, deixe a apreensão de lado e vamos à luta. Já enfrentamos situação pior em 2006 e vencemos. Nunca foi fácil para o PT vencer as eleições presidenciais, mas para o PSDB, mesmo que eles mantenham as aparências, a situação é muito mais difícil. Em SP os tucanos se deram bem no primeiro turno, mas nem em SP acho que a diferença irá se repetir no segundo turno. Além disso a eleição não é só em SP. Em MG, Rio, Bahia, RS, em todo o nordeste, e em quase toda a região norte a situação é mais favorável para Dilma ampliar a vantagem no segundo turno. Agora, os tucanos estão trabalhando para ter a maior votação possível, nós também temos que dar o máximo.

Zé Augusto disse...

sergio m pinto, em PE a situação se complicou com a morte do Eduardo Campos. A própria campanha do PT no estado foi mais comedida do que seria se não tivesse acontecido a tragédia. Mas eu acho que os votos em Marina no estado irão na maioria para Dilma no segundo turno. Aécio foi muito mal votado em Pernambuco, só teve 5%. O PSB local já ganhou regionalmente tudo que tinha a ganhar. Acho que agora só tem a perder se mergulhar na campanha do Aécio. Além disso tem 3 estados que o PSB está disputando o governo com outros partidos no segundo turno (Paraíba contra tucanos, DF contra o candidato do Arruda, e Amapá que o PT já está coligado ao PSB), que o PT é mais próximo e pode apoiar.

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração