Pages

segunda-feira, 28 de abril de 2014

O vídeo: Padilha depena Alckmin e jornalistas demotucanos em entrevista na TV.


O ex-ministro da Saúde e pré-candidato ao governo de São Paulo Alexandre Padilha (PT) participou do Programa ‘Roda Viva’, transmitido pela TV Cultura.

A TV Cultura é do governo do Estado de São Paulo, em mãos tucanas, e escalou um grupo de jornalistas para fazer perguntas contra Padilha, em vez de vez perguntar sobre temas do interesse do cidadão telespectador, como o bom jornalismo deve fazer.

Para piorar tentaram interromper as respostas de Padilha sempre que ele criticava o Alckmin na resposta.

Mas não deu certo. Padilha trucidou um por um de seus inquisidores, e ainda, sem perder em nenhum momento a elegância, mesmo sendo bastante firme diante de perguntas venenosas.

No twitter, que serve para ver um pouco como os telespectadores estavam reagindo, o que eu vi foi tuiteiros demotucanos irritados dizendo que iam desligar a TV ou mudar de canal. Sinal de que Padilha estava se saindo bem nas respostas e os jornalistas não conseguiam fazer ele cair nas cascas de bananas e armadilhas preparadas nas perguntas.

Os tuiteiros que já simpatizam com Padilha estavam e estão todos comemorando e achando que ele se saiu melhor do que a encomenda. Foi inteligente, simpático, firme, com um discurso afiado que enche de confiança de que vai vencer.

E vi tuiteiros neutros politicamente (nem tucanos, nem petistas), uns dizendo que ainda não tinham visto ele falando e gostaram dele, outros ficaram bem impressionados com o preparo de Padilha, outros com a firmeza, outros dizendo que ele vai dar trabalho para o Alckmin.

Em algumas semanas de campanha e nos debates acho que Padilha já garantirá seu lugar no segundo turno. Se brincar ele ultrapassa Alckmin ainda no primeiro turno.

9 Comentários:

Johnny Gonçalves disse...

Respostas objetivas e com conhecimento de causa. Os entrevistadores tucanos (todos!) chegaram com gosto de sangue na boca e saíram com cara de tolos. Padilha tem um passado dedicado ás causas sociais, possui ótima formação, vem de uma família de pessoas comprometidas com a população mais injustiçada. Fiquei muito bem impressionado com sua atuação. São Paulo precisa sair do marasmo.

Ignez disse...

Assisti e não me surpreendi com a inteligência, a retidão e a firmeza de Alexandre Padilha. Realmente a "troupe de entrevistadores" estava mais para "fofoqueiros"...quanta indigência mental, quanta vilania e quanto servilismo ao atual governador tucano. Espeoro que nosso voto eleja Alexandre Padilha governador. As baixarias serão abomináveis, daqui para frente. A mídia cínica, mercenária, demagógica e corrupta mostra sua cara mais torpe.

Unknown disse...

A entrevista foi excelente! Padilha, firme e dando respostas inteligentes apesar dos entrevistadores da tv Cultura que insistiam em fazer perguntas capciosas e sempre tentando ligá-lo ao André Vargas e o tal Laborgen! Respostas diretas, firmes e claras!

Luiz Augusto Oliveira disse...

As declarações de Lula caíram como bomba sobre a mídia, porque qualquer crítica ao julgamento do mensalão é uma ameaça à sua credibilidade, visto que todos sabem o papel que ela desempenhou nesse processo.
O próprio Joaquim Barbosa não criticou acerbamente a decisão do plenário do STF de inocentar os réus da Ação Penal 470 do crime de quadrilha? Aí sim, houve uma ultrapassagem dos limites, porque Barbosa tentou desqualificar seus próprios pares. E ainda lançou um ridículo e golpista alerta à nação: “a decisão de não caracterização de quadrilha foi uma decisão com influência política”.
Finalmente Joaquim Barbosa falou uma verdade. De fato, Lula não entende nada de Judiciário. A prova disso é que nomeou Joaquim Barbosa.
O próprio Joaquim Barbosa, ao vivo e em cores na TV Senado, sentado na cadeira de presidente do STF em sessão oficial, disse isso, de forma muito pior, quando foi voto vencido pela maioria de seus colegas.

Em fevereiro deste ano, no julgamento de embargos infringentes, que absolveu alguns réus de alguns crimes que haviam sido sentenciados antes por placar apertado, Barbosa atacou o próprio STF dizendo que havia sido formado ali uma "maioria de circunstância formada sob medida".

Por coerência, Barbosa deveria ter emitido uma nota de repúdio a si mesmo.
2014 seriam para nos brasileiros um ano de avanços. Pessoas diferenciadas e preparadas nos informariam de seus planos para educação, saúde, crédito, avanços sociais, energia, moradia, trabalho, etc.
Não haveria embates em torno de CPI, instrumento já gasto e não mais convincente. O embate seria de idéias. Isto também na midias. Não seriam palavrões, racismo, preconceitos e ódios. Seriam discussões que nos levassem a escolher o que nos pareceria melhor. Quem conhece os planos para mudança do modelo adotado. Pode alguem dizer que existe. Mas quai são?
Chegou o momento. E o que se vê? Tudo de novo. CPI.
Será que não perceberam ainda que este negócio de forçar irracionalmente a barra para ganhar eleição é tiro no pé. Todo o brasil joga futebol. Quem joga futebol sabe o que é fita. Não gostamos de quem faz fita. Isto é fita. Mas qual é afinal de contas? Vão perder a eleição, de novo, usando o mesmo esquema tático. Errar é humano, persitir é burrice.
http://www.youtube.com/watch?v=oWVL2GqkYfQ (vale a pena)

Herminio disse...

Como esses jornalistas são manipulados pelos seus patrões, tudo combinado com o PSDB, felizmente o candidato é um político preparado e soube coloca-los no devido lugar.

josé fernandes disse...

Matou a pau. jornalistas selecionado pelo pig

João Neto disse...

Fiquei impressionado com firmeza do Padilha e mais impressionado com a mediocridade dos entrevistadores, por sinal mal intencionados querendo as respostas de acordo com seus interesses . Parabens Padilha Brasilia ti espera no futuro.

nun to nem ai disse...

Os governos do PSDB têm apresentado aos seus eleitores uma salada de incompetência-primeiramente-, irresponsabilidade, descaso, negligência e corrupção que impressiona até os mais leigos em política. No caso particular do Estado de S.Paulo, se o Alckmim for reeleito....... ah! deixa pra lá.

Leo disse...

Tentaram fazer do Padilla um saco de pancada, porem se deram mau,o Padilla respondeu sim as respostas mas não como o PIG queria, Padilla não foi entrevistado foi julgado e apedrejado pelo PIG.

Postar um comentário


Meus queridos e minhas queridas leitoras

Não publicamos comentários anônimos

Obrigada pela colaboração